Centro de Estudos de História Religiosa
Pagina Inicial
Início | Voltar | Imprimir

Encontros Científicos

2010 | 10 de Setembro - Seminário «O papado de Avinhão e os reinos da cristandade ocidental»

Seminário «O papado de Avinhão e os reinos da cristandade ocidental»

1ª sessão: «A problemática das fontes pontifícias»

Data: 10 de Setembro de 2010
Local: Lisboa, Universidade Católica Portuguesa (Ed. da Biblioteca - Sala dos Descobrimentos Portugueses)
Acesso: livre e sem necessidade de inscrição.


Programa (pdf) [português | français]

  • 9.45h - Acolhimento dos participantes
  • 10.00h - Apresentação do seminário e dos objectivos da sessão
  • 10.15h - Conferência introdutória
    Jacques Chiffoleau (Director de Estudos, EHESS/CIHAM)
  • 11.00h - Pausa
  • 11.30h - The publication of records of the Avignon papacy concerning Great Britain and Ireland
    Patrick N. R. Zutshi (Conservador dos Manuscritos e Arquivo, Univ. Cambridge Library)
  • 12.00h - La edición de la documentación pontificia sobre España en los siglos XIII y XIVs
    Santiago Sánchez Domínguez (Professor titular, Univ. Léon)
  • 12.30h - Debate
  • 13.00h - Almoço
  • 15.00h - Les lettres pontificales sous la perspective d’une base de données: le projet Ut per Litteras Apostolicas
    Laurent Vallière (Engenheiro de Estudos, CNRS)
  • 15.30h - La recherche sur l'histoire médiévale portugaise à la lumière de la documentation des papes d'Avignon: quel passé, quel avenir?
    Mário Farelo (pós-doutorando CEHR / IEM / LAMOP)
  • 16h00 - Debate
  • 17h30 - Conclusão dos trabalhos

Enquadramento

Este seminário foi organizado pelo Doutor Mário Sérgio Farelo, investigador do CEHR, no âmbito do seu programa de pós-doutoramento, e fez parte de um conjunto de sessões de seminário sobre o Papado de Avinhão.
Foi organizado no âmbito do GDRE - Aux fondements de la modernité étatique en Europe, l’héritage des clercs médiévaux.

Apresentação

Testemunha do processo de definição das monarquias territoriais do Ocidente no final da Idade Média, o estudo das relações entre esses Estados em devir e o papado de Avinhão antes do Grande Cisma tem sido perspectivado a maior parte das vezes a partir da posição centrípeta da cúria pontifícia ou dos laços tecidos por esta com cada uma das monarquias cristãs ocidentais. Ora, raras foram as ocasiões em que estes estudos adoptaram uma visão comparativa, capazes de evidenciar as influências mútuas dessa dupla realidade institucional, em termos de uma possível influência do governo apostólico sobre as formulações estatais então emergentes ou o papel eventual destas últimas na sociologia e funcionamento da cúria avinhonense. Seria assim de um grande interesse perscrutar tais relações no seu conjunto, de forma a valorizar a qualidade das soluções adoptadas pelas monarquias para responder a problemas de organização interna e de relacionamento externo que eram, muitas das vezes, os mesmos.

A prossecução deste objectivo clama uma delimitação do enquadramento do inquérito a realizar. Tendo em conta o avanço historiográfico, quatro perspectivas particulares de análise foram retidas de início de forma a reforçar essa perspectiva comparativa: o estudo das fontes avinhonenses, as relações politico-diplomáticas, beneficiais e financeiras mantidas entre o papado de Avinhão e os reinos da Cristandade ocidental. Este quadro geopolítico permanece o mais susceptível de tornar a comparação a mais significativa possível, uma vez que a presente actividade radica num estudo específico sobre o caso português. Permitindo o confronto das conjunturas e da praxis das relações luso-pontifícias, é de facto toda a questão das identidades e das divergências entre estes dois poderes soberanos que se tentará evidenciar.

Cada sessão do presente seminário pretendeu fazer o ponto de situação sobre a investigação realizada, assim como propor novas vias de pesquisa sobre cada perspectiva escolhida. O encontro de especialistas permitiu aprofundar o trabalho em rede, favorecendo a partilha de ideias e o incremento da investigação.

Objectivos da sessão

O tema das fontes pontifícias está de novo na moda. Projectos de publicação como os Papsturkunden des frühen und hohen Mittelalters, a construção de bases de dados com informação proveniente de antigas publicações como Ut per Litteras Apostolicas ou inquéritos mais globais sobre as condições de elaboração dos escritos do governo central da Igreja (CIHAM) fornecem hoje novas e poderosas ferramentas de trabalho e perspectivas renovadas sobre esta temática. A primeira sessão deste seminário torna-se assim uma boa oportunidade para fazer o ponto de situação sobre algumas destas actividades, dos seus objectivos, dos seus sucessos, dos seus limites. Pelo mesmo efeito, é toda a problemática da edição, da produção, da difusão e da conservação das fontes do papado de Avinhão que pode ser posto em relevo, aqui observado do ponto de vista francês, inglês, espanhol e português.

Organização

Actividade elaborada no âmbito de um inquérito pós-doutoral sobre O reino de Portugal e o intervencionismo do papado de Avinhão, este seminário nasceu da parceria entre o Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica Portuguesa, o Instituto de Estudo Medievais da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e o Laboratoire de Médiévistique Occidentale de Paris. O escopo internacional e as temáticas associadas ao mundo eclesiásticas destes encontros valeram-lhe a sua integração no plano de actividades do GDRE Aux fondements de la modernité étatique en Europe, l’héritage des clercs médiévaux recentemente criado por Hélène Millet e Dominique Iognat-Prat.



| Voltar |


Topo
Logotipo Acessibilidades

Centro de Estudos de História Religiosa
Tel.: (+351) 217 214 130
E-mail: cehr@ft.lisboa.ucp.pt
Web: www.cehr.ft.lisboa.ucp.pt

Universidade Católica Portuguesa > Lisboa > Porto > Braga > Viseu
Página Inicial